Vereadores rejeitam requerimento de abertura de CPI

por Tayse Souza Santos publicado 15/06/2021 13h38, última modificação 15/06/2021 13h38

 

A maioria dos vereadores presentes decidiu em sessão ordinária realizada nesta segunda-feira (14) pela não abertura da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investigaria a conduta do vereador Josmar Barbosa (Republicano), na eleição da mesa diretora biênio 2019/2020.

Alguns dos Edis presente, em Sessão Virtual, votaram contra o requerimento do cidadão Zulfo Sanches, que solicitava da mesa diretora a formação da CPI, para apurar os fatos que envolveram a eleição da mesa biênio 2019/2020.

O Presidente da Câmara, vereadores  da Cachoeira Isnaldo Cordeiro (PSD), destacou que segundo o Artigo 51, parágrafo 5 da Lei Orgânica,  "É facultado a qualquer entidade social ou eleitor, o direito de solicitar à Câmara instalação de CPI, para apurar fato determinado, com justificativa plausível, sendo ratificado por um terço (1/3) dos membros da Câmara." Ou seja, os vereadores deveriam subscrever o Requerimento, para seguimento de abertura da CPI, o que não ocorreu.

Por fim, o Presidente da Casa ressaltou que a discussão sobre a subscrição do Requerimento do eleitor, foi feita pela Casa, da forma mais democrática se vista no Município.